Pesquisar no site

Notícias

2017-09-27 00:00:00.0 Por ascom/caerr
REÚSO - Em palestra, estudantes discutem consumo consciente e reaproveitamento da água

O consumo racional da água exige mudança de hábitos culturais. Esta foi a discussão entre alunos do 9º ano e técnicos do Núcleo de Meio Ambiente (NMA) da Caerr (Companhia de Águas e Esgotos de Roraima), durante palestra ambiental na Escola Estadual Mário David Andreazza, na manhã desta quarta-feira (27).

Além de utilizar hábitos de uso consciente da água no dia a dia, os alunos aprenderam um pouco mais sobre o combate ao desperdício, sustentabilidade, como calcular a fatura de água, processo de tratamento de água e combate ao desperdício. 

“Demonstramos a necessidade de se elaborar projetos educacionais e sempre focamos no consumo racional da água. Hoje, explicamos como calcular a fatura de água e outros temas importantes. É uma forma de mostramos que quanto mais se desperdiça, mais cara irá se pagar”, advertiu a chefe do NMA, Airlene Carvalho.

Os estudantes participaram do debate, elaboraram perguntas e ganharam cartilhas ambientais. A Caerr tem uma ampla programação de palestras e projetos ambientais, todos acessíveis e disponíveis para as escolas de todo o Estado. “A educação ambiental tem grande importância na construção de sociedades sustentáveis. A governadora Suely Campos vem atuando de forma efetiva nessas questões, porque ela é sensível à causa ambiental e se preocupa com a preservação do meio ambiente. Por determinação da governadora, a Caerr está cada vez mais ampliando as ações voltadas para a sustentabilidade”, destacou o presidente da Caerr, Danque Esbell.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL COMO ELEMENTO DE TRANSFORMAÇÃO  

A Feira de Ciências da Escola Mário David Andreazza será uma das atrações para estudantes e comunidade. O tema desse ano é “Matemática está em Tudo”. A fórmula para calcular o consumo da água foi um dos temas que mais chamou atenção dos alunos durante a palestra do Núcleo de Meio Ambiente da Companhia. Segundo a coordenadora do evento, professora Jane Albuquerque, o tema não é muito conhecido entre a comunidade estudantil. 

“É muito importante a discussão desses temas, principalmente quando a escola, comunidade e alunos discutem as ações que criam multiplicadores e fiscais da natureza. Nossos alunos nunca tiveram conhecimento de como se chegar no valor total da conta de água. Os debates na feira de ciências será produtivo, pois muitas dúvidas irão surgir”, afirmou. A Feira acontece dia 4 de outubro, a partir das 8h e a Caerr fará parte de um dos eixos temáticos, com a abordagem da fórmula para calcular o consumo de água nas residências.